Postagens do blog antigo [Junho/2009]

Minha pequena porção de mundo

Nós somos o reflexo daquilo que pensamos, que desejamos no mais íntimo do nosso coração. Plantar sementes boas, para colher frutos bons.

 

Acordar cedo mesmo com esse tempo frio, ir direto para o banho, tomar café da manhã em pé enquanto arruma a mochila e sair apressada para o trabalho. Trabalhar o dia todo e ir direto para a faculdade, chegar em casa esgotada e nem comer nada para poder dormir um pouco mais… e no fim de semana ter tanta coisa acumulada para organizar e o sono para colocar “em dia” que não encontra animo nem para se divertir…

 

ela&ele

Ela estava perdida, perdida de si mesmo em um mundo sem cor. Olhava pelas janelas dos seus olhos e via que lá fora as pessoas sorriam e tudo era colorido. Queria estar lá mas toda vez que tentava alcançar percebia que seus braços eram curtos demais para tocar os sorrisos. Ela encontrava refúgio dentro de seus sonhos, no silêncio da sua voz e seguia assim, sozinha. Até que, um dia um menino conseguiu chegar a porta e, com as pontas dos dedos tocou os tecidos finos de seu sentimento. Ela sentiu medo e se escondeu ainda mais fundo para que ninguém pudesse lhe ferir, mas o menino estava decidido e passou a visitá-la todos os dias, ficava ali, olhando-a por horas e quando chegava a hora de partir, lhe dava um sorriso. Aos poucos os medos da menina foram despedindo-se dela e então ela se sentiu livre para se aproximar daquele menino que a fascinava. O primeiro contato foi tão delicado quanto as folhas que caem das árvores com o mais singelo vento. Olharam-se e com um beijo em sua testa o menino ganhou seu coração. Correram pelos campos mais belos, desenhando sorrisos pelo caminho, e então ela conheceu o verdadeiro sentido da palavra felicidade. Desde então eles estão ali um pelo outro, com mundos tão diferentes mas tão iguais, e escolheram o caminho que querem desenhar nas páginas de suas vidas.

 

O bom e velho Português

Desde que eu aprendi um pouco sobre a escrita, eu desenvolvi uma paixão enorme pelas palavras, pela forma como conseguimos expressar nossas emoções, nossas vontades e desejos. O nosso idioma é riquíssimo e maravilhoso.

Outro dia na faculdade, a professora nos pediu que escolhêssemos algum espaço cultural para fazermos um seminário. Meu grupo escolheu o Museu da Língua Portuguesa. Confesso que nunca tinha parado para pensar em como espaços como este são pouco conhecidos. O museu é maravilhoso, moderno e rico em informações. Muitos têm preconceito com museus, por acreditar que se trata de lugares antigos, com coisas antigas, mas a verdade não é bem essa. Os museus procuram se adaptar às novas técnologias como forma de tornar-se mais interessante e chamar a atenção do público.

Fiz um vídeo com as fotos que tiramos no Museu http://www.youtube.com/watch?v=pUoznlureMo e acho que está é uma boa dica de passeio para o feriado.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: